Informações sobre Animais Silvestres e Exóticos
 
InícioCalendárioGaleriaFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
Acessórios para Silvestres e Exóticos: www.zoopets.com.br/loja

Compartilhe | 
 

 O Terrário

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
ImperatoR

avatar

Mensagens : 35
Pontos : 57
Data de inscrição : 22/10/2009
Idade : 25
Localização : Interior de Sampa

MensagemAssunto: O Terrário   Ter 27 Out - 22:32

Tamanho

As aranhas exigem terrários bem simples, que devem ser construídos de acordo com a espécie, arbóreas, cavernícolas ou terrestres. As arbóreas suportam quedas de até 2 metros. Gostam de escalar e de ficar coladas na lateral do terrário, pois na natureza, vivem em árvores. Decorar com galhos e troncos é bom, pois servem de toca e é onde escoram a teia. As terrestres precisam de solo mais profundo de no mínimo cinco centímetros onde cavam tocas, bem como de uma folha sobre a superfície, que também serve de abrigo. O tamanho no primeiro ano de vida, um espaço de 10x10x10cm é suficiente, já que as aranhas nascem com meio centímetro e levam tempo para crescer. Depois, até três anos, pode ser usado um terrário de 20x15x15cm, com tela bem fina em cima para ventilação. Adultas necessitam de terrários que variam de 20X20X20 (para espécies como a sickius longibulbi) a terrários com 60X40X40 (como a Theraphosa leiblondi), tudo dependendo da espécie e do comportamento (terrestres, arborícolas ou cavernícolas).

Material e Substratos

Paredes transparentes, de preferência de vidro para visualização; Tampa para ventilação com tela bem fina e os melhores substratos para caranguejeira são: areia, cascalho de rio, terra vegetal (sem nenhuma adição de adubo ou qualquer outra coisa), pó de casca de coco ou vermiculita. Cuidado com o uso de terra preta ou vegetal, assim como com restos de comida, pois isso pode, e provavelmente irá, causar o surgimento de microorganismos no solo, o que pode levar a caranga à morte se esses mesmos microorganismos se proliferarem de maneira desordenada. A limpeza do substrato deve ser mensal, mas o ideal é retirar os restos de alimentos e outras coisas indesejáveis sempre. Na decoração de terrários para aranhas terrestres podem ser usados algumas pedras e troncos caídos ou cascas de árvore, que proporcionam um esconderijo, já as arborícolas preferem apenas alguns galhos e troncos, que é necessário. O uso de plantas nos terrário deve ser feito com muito cuidado, pois a maioria dos terrários não possui a iluminação adequada, podendo levar essas plantas a morte e consequentemente a contaminação do substrato.

Esterilização

O uso de folhagens secas, terra, areia, cascas de árvore, pó de casca de coco e musgo como substrato em terrários é muito atrativo, pois deixa o ambiente mais natural, mas esses substratos podem vir com parasitas (inclusive carrapatos, piolhos e pulgas) e fungos que prejudicam a aranha. Para isso é preciso esterilizar antes de usá-lo no terrário. A melhor forma de se esterilizar areia e terra é peneirar bem e depois colocar em uma bandeja e deixar no forno, a 230°C, durante cerca de 10 min. Com a folhagem e o pó de casca de coco é mesma coisa, mas antes é bom dar uma lavada nas folhas e no pó de casca de coco. Com as folhagens, é melhor manter o forno a temperaturas um pouco mais baixas (em torno de 150-170°C) e manter por um pouco mais de tempo. Folhas que ainda não estão secas, após permanecerem esse período no forno, tornarão secas, e algumas podem até exalar um odor agradável; algumas espécies de hera, por exemplo, após serem secas no forno, exalam um cheiro parecido com o de amendoim, minimizando qualquer cheiro desagradável. No caso do musgo e pedaços de cascas de árvore trituradas, já existem os industrializados feitos propriamente para serem usados como substrato e decoração de terrários que já passam por um processo de limpeza. Em floriculturas pode se encontrar musgo que não são esterilizados. Para esterilizar esse musgo pode se fazer da mesma forma que se usa para esterilizar folhas secas e cascas de árvore. Antes de colocar troncos, galhos, pedras e outros apetrechos pegos em qualquer lugar também se deve dar uma boa lavada e deixar secar ao sol antes de colocar no terrário.
Todos os comentários acima acerca de esterilização são técnicas nem sempre utilizadas por alguns criadores, pois os mesmos alegam que a esterilização irá acabar, além dos agentes patógenos, com os organismos protetores, e isso também poderia vir a causar problemas no futuro, não existe nada comprovado para nenhum dos dois casos.
Cada criador deve tirar suas próprias conclusões e fazer da maneira que acha melhor para a sua realidade.

Umidade

Água é fundamental, refresca e sacia a sede da aranha, mantendo a umidade. Pode ser oferecida em vasilha ou pote. Algumas espécies como a Grammostola, chegam a mergulhar nos potes quando está muito quente.

Temperatura

Entre 20 a 30 graus, Variando para algumas espécies. Essa temperatura é a natural em diversos estados do nosso pequeno Brasil, mais em alguns são atingidas temperaturas abaixo de 20, 15 e as vezes 10 graus, para resolver esse problema pode ser usada uma pedra aquecida, alguns criadores se utilizam de lâmpadas para aquecer os terrários.

Iluminação

Você pode usar a lâmpada nigthglo que faz parecer o luar e estimula a aranha a caçar.

Créditos a "Vi Gasbarro"...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
O Terrário
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Montagem de Terrário Passo a Passo
» Terrários exteriores passo a passo...
» Ajuda com terrário!
» Ajuda...terrário
» Construção de terrário diy

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
ZooPets - Fórum :: Aracnídeos :: Aranhas-
Ir para: